A clínica InVitro oferece uma nova especialidade: a medicina fetal. Essa é uma área de atuação da especialidade médica Ginecologia...  Saiba mais

Veja nossa Vinheta

Pacientes soro-discordantes

Existem três situações que podem ser tratados de forma diferentes. A primeira é quando somente o homem é portador do vírus HIV e hepatite C. Neste caso, junto com um acompanhamento de um infectologista e ginecologista, é colhida a amostra do paciente e então é feito uma purificação seminal para diminuir a carga viral, já que o vírus não se liga aos espermatozóides. Daí então é separado uma parte da amostra para uma análise genética para se garantir que não há nenhuma presença viral. Uma parte dessa amostra se encontrará congelada no laboratório, para então ser utilizada na fertilização in vitro, caso o resultado tenha sido negativo. A segunda situação é quando o casal é portado de ambos os vírus. Neste caso, o estado clínico da mulher é o mediador de todo processo e o médico que irá então indicar a melhor forma da terapêutica. A terceira situação é quando somente a mulher é portadora do vírus HIV ou Hepatite C. O fator primordial para o procedimento é o estado clínico da mulher. As técnicas de reprodução humana podem ser usados sem causas de risco para a parceira. No entanto, pela condição que doença causa, podem-se encontrar problemas terciários que podem atrapalhar no sucesso da gestação. Se você se enquadra nessa condição, a nossa equipe terá um prazer em ajudar você! Orientando e fornecendo todas as informações e tratamentos possíveis de reprodução humana assistida que melhor atenda a sua necessidade.

 

 

 

Portuguese English Spanish

Cadastre-se em nossa Newsletter e receba novidades da Invitro por email.